site statistics

Orquídeas da Amazônia: saiba como plantar e cuidar, a última dica é a mais importante

Hoje você aprenderá sobre as exóticas orquídeas da Amazônia e como cuidar para ter essas lindas plantas decorando o seu lar

As orquídeas são plantas que chamam atenção pela beleza de suas flores. Entretanto, existem algumas lindas espécies exóticas que são provenientes da floresta amazônica. Por isso, hoje, 12 de fevereiro, o Agronews do site Jornal Prime, mostra a você algumas orquídeas da Amazônia, como plantar e cuidar dessas belas plantas.

Primeiramente, a Amazônia apresenta uma das maiores diversidades de plantas de grande, médio e pequeno porte, dentre elas, as orquídeas. Todos os anos, novas espécies são descobertas e catalogadas. Nesta matéria, você aprenderá como cuidar das distintas orquídeas da Amazônia.

Você vai gostar: Aprenda tudo sobre orquídeas

Cattleya eldorado - Foto: Canva
Cattleya eldorado – Foto: Canva

Como plantar e cuidar de orquídeas da Amazônia

Antes de tudo, as orquídeas se desenvolvem melhor em vasos de xaxim ou de fibras. Portanto, é preciso observar esse detalhe na hora de escolher o vaso que irá cultivar a sua plantinha.

Posteriormente, prepare o substrato que irá receber a orquídea. Preferencialmente, estas plantas crescem melhor em solos com boa drenagem. Ou seja, o substrato escolhido deve possuir no mínimo 20% de areia.

Sobretudo, antes de começar o processo de plantio, adicione uma camada de pedras de seixo no vaso que irá receber a sua orquídea. Essa camada irá garantir que a plantinha não acumule água nas raízes.

Frequência das regas

Acima de tudo, as orquídeas da Amazônia gostam especialmente de umidade. Nesse sentido, realize a rega a cada dois dias. Não deixe que o substrato da sua orquídea fique muito seco, pois isso pode prejudicar o crescimento da planta.

Além disso, os excessos de água podem causar problemas como a podridão negra, comum em orquídeas que são expostas à muita umidade. Portanto, tenha cuidado com as quantidades exageradas.

Veja também: Como fazer compostagem: veja como ter o melhor resultado

Luminosidade

De antemão, estas espécies de orquídeas crescem melhor em ambientes com boa incidência solar. De preferência, coloque-a em janelas, parapeitos ou varandas. O ideal é que a sua planta receba de 5 a 6 horas de luz solar.

Desse modo, no momento do plantio, opte por vasos. As orquídeas plantadas em vaso são mais fáceis de manusear, assim, poderão ser transportadas mais facilmente para locais com boa iluminação.

Fertilizantes e adubos

Por fim, para que a sua plantinha tenha sempre os nutrientes necessários para se desenvolver bem, é preciso fazer a utilização de alguns compostos. Para o procedimento de adubação orgânica, utilize farinha de osso.

Contudo, se preferir as fertilizantes sintéticos, o NPK 10-10-10 é uma boa escolha, assim como o NPK próprio para orquídeas. Lembre-se de sempre ler atentamente as instruções do rótulo desses produtos antes de usá-los em suas plantas.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre as orquídeas da Amazônia, como plantar e cultivar essa ornamental de modo adequado, basta colocar em prática as dicas que foram dadas. Assim, você sempre terá uma linda e exótica planta decorando o seu lar.

Leia mais: Como cultivar rosas em vasos: saiba a maneira certa e eficaz com dicas simples

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais

Política de Privacidade e Cookies