site statistics

Em Poconé prefeito e secretários querem aumento de salário

A verba indenizatória para o prefeito seria de R$ 7,8 mil. Os secretários municipais, controlador geral e os procuradores geral e fiscal receberiam R$ 2 mil. Já os adjuntos e superintendentes seriam contemplados com R$ 1,12 mil

Um projeto de lei em que visa criar verba indenizatória para Prefeito, Secretários e outros servidores foi reprovado em sessão extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (20), no plenário da Câmara Municipal de Poconé.

O vereador Zé Correa (PR) ainda tentou pedir vistas alegando mais tempo para analisar o Projeto, mas foi vencido pelos colegas que rejeitaram o pedido de vistas. O Projeto de Lei recebeu 8 votos contrários, apenas os vereadores Zé Correa (PR) e Juarez Dionizio (PV) votou a favor da criação da Verba Indenizatória.

A verba indenizatória para o prefeito seria de R$ 7,8 mil. Os secretários municipais, controlador geral e os procuradores geral e fiscal receberiam R$ 2 mil. Já os adjuntos e superintendentes seriam contemplados com R$ 1,12 mil.

Para diretores de departamentos a verba indenizatória seria de R$ 660 enquanto chefes distritais e secretária de gabinete receberiam R$ 500. Já para coordenadores, outras chefias, assessores e gerentes de departamentos da prefeitura o valor estabelecido é R$ 200.

Na justificativa do Projeto, a verba indenizatória teria como objetivo reembolsar despesas de diárias e passagens dentro do Estado. Também estariam incluídos ajuda de custo de vestuário adequado e outras despesas inerentes ao exercício dos cargos.

Fonte: www.poconet.com.br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais

Política de Privacidade e Cookies